Aserghc e entidades sindicais convocam Assembleia Geral para o dia 16 de janeiro

Aserghc e os sindicatos da saúde, Sindisaúde, Simers, Sergs, Sindifars, Sinttargs e SintitestRS, reuniram-se na tarde de ontem (04) para discutir a proposta da direção do GHC feita na última reunião da mesa de negociação . A proposta aplica a retirada de direitos dos trabalhadores através da aprovação da nova CLT. Entre os assuntos debatidos entre as entidades está a construção de uma contraproposta feita pelos trabalhadores.

Os sindicatos definiram ainda que o prazo para informação e mobilização dos trabalhadores é curto, e que não será possível fazer uma assembleia que tenha todas as garantias de legalidade antes do dia 12 de janeiro, devido aos recessos na área jurídica e prazos estatutários para editais. Sendo assim, a Assembleia Geral foi convocada para o dia 16 de janeiro, em frente ao prédio administrativo do Hospital Conceição. As entidades sugeriram, através de ofício enviado na manhã de hoje (05), a mudança da data da mesa de negociação para o dia 19 ou 30 de janeiro.

A Assembleia Geral está marcada com primeira chamada às 8h00 e segunda chamada (e início) para às 8h30. Convidamos todas e todos para o café da manhã a partir das 7 horas. Segundo Valmor Guedes, presidente da Aserghc, a determinação da direção é um afronte para os trabalhadores do Grupo. “Este é o momento de unidade entre os trabalhadores do diurno e do noturno. Precisamos de união na construção de uma minuta de proposta que será apresentada na próxima reunião da mesa de negociação”, afirmou Guedes.

Representantes das entidades sindicais discutem táticas para mobilização do dia 16 de janeiro
Reunião entre Aserghc e entidades sindicais

Representantes sindicais discutem táticas para mobilização do dia 16 de janeiro

No widget added yet.